Construção Civil: Tecnologias otimizam trabalho da Engenharia

A tecnologia está cada vez mais presente na Engenharia. A indústria 4.0 traz mudanças profundas nos processos de manufatura, englobando várias inovações tecnológicas a partir da internet das coisas. Entre essas tecnologias destacam-se a virtualização dos processos, realidade aumentada, comunicação máquina-máquina, robóticas autônoma e inteligência computacional. Com isso, os processos de produção tendem a se tornar cada vez mais eficientes, autônomos e customizáveis.

Existem  softwares e tecnologias que auxiliam no dia a dia na construção civil. Já na etapa do planejamento, o Engenheiro pode contar com o auxílio da Modelagem de Informações da Construção, ou Building Information Modeling, conhecido por BIM, que demonstra para o cliente uma versão virtual do projeto, apresentado de forma tridimensional em realidade aumentada, de como ficará o projeto real. Isso possibilita que possíveis modificações sejam realizadas antes da etapa de construção ser iniciada.

Segundo o eng.civ Jardiel Peres 45% dos problemas nas obras são oriundos de problemas de projeto e escopo mal definido. No tocante à essa problemática a metodologia BIM vem para unir e melhorar a comunicação entre todos os profissionais.”O fato de ser um banco de dados facilita o acesso da informação para tudo e todos ficarem atualizados. Assim a checagem, gerenciamento e
controle da informação fica mais cirúrgica, os projetos mais rápidos e otimizados, e a construção enxuta e,consequentemente, econômica”, afirmou.

 

De acordo com Jardiel Peres, os softwares como o Revit, Archicad, Vectorwoks auxiliam na construção civil. Na última edição do Teresina em Ação, o Programa Jovem Engenheiro apresentou a modelagem BIM à comunidade. “Utilizamos um óculos 3D e um aplicativo no tablet para realidade aumentada. São vários os benefícios, conflitos são descobertos e resolvidos com mais facilidades e com muitos menos custos em fase de projeto. A compatibilidade de projeto é precisa e a comunicação entre projetistas é clara e sem ruído”, explicou.

Na etapa da construção, os drones são ferramentas bastante utilizadas para garantir que toda a obra seja visualizada, o que aumenta a segurança dos profissionais envolvidos no projeto, além de facilitar a obtenção de dados, promovendo mais praticidade no desenvolvimento da obra. Outros instrumentos utilizados são os niveladores a lazer e guinchos computadorizados.

Descoberta de novos materiais

Pesquisadores do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) recentemente criaram um material bem mais resistente do que o aço e ainda mais leve: o grafeno. O uso desse novo recurso será voltado a grandes edifícios e pontes e, por ser poroso, o material tem ainda a capacidade de funcionar como filtro.

Outro material que dentre as novas tecnologias na construção civil é o bioconcreto. Este material tem a capacidade de regenerar suas próprias fissuras. A superbactéria Bacillus pseudofirmus é inserida à mistura de concreto e só reage quando entra em contato com o oxigênio e a água. Quando as fissuras do concreto começam a aparecer, as bactérias se desenvolvem, se alimentam de lactato e, por meio de reações químicas, o calcário é construído e a estrutura inicia o processo de regeneração.

Bioconcreto

Bioconcreto

Todos esse métodos auxiliam para que as obras sejam realizadas com maior otimização do tempo e o menor custo possível. Além de garantir que o projeto final sairá da forma solicitada pelo empreendedor/cliente.

 

Ascom com informações do Portal TDigital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support