O presidente do Crea-PI convida Desembargador Carlos Augusto Brandão para proferir palestra no plenário do Confea

O assessor da presidência da Mútua, Eng.Civ. Marcelo Moraes,o conselheiro federal,Eng. Eletric. Ronald Santos, o presidente do Confea, Eng.Civ.Joel Krüger, o Desembargador Federal da 1ª Região, Dr. Carlos Augusto Brandão e o presidente do Crea-PI, Ulisses Filho.

A convite do presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Piauí (Crea-PI), Eng. Agr. Ulisses Filho, o Desembargador Federal da 1ª Região e Eng. Eletric Dr. Carlos Augusto Brandão proferiu palestra no plenário do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), nesta quarta-feira (28), em Brasília. A palestra com tema: Diálogos Institucionais e Desenvolvimento, foi apresentada aos engenheiros e recebeu grande receptividade dos presentes.

A cerimônia contou com a presença do presidente do Confea, Eng.Civ.Joel Krüger, além de todos os conselheiros federais e alguns presidentes de CREAs do país. O assessor da presidência da Mútua, Eng.Civ. Marcelo Moraes e o conselheiro federal,Eng. Mec. Ronald Santos, também representaram o Piauí no encontro.

Na avaliação do presidente do Crea-PI, Ulisses Filho, a palestra do magistrado piauiense foi excelente. “Essa mesma palestra foi ministrada no 10º Congresso Estadual de Profissionais do Crea-PI (CEP) e foi apresentada para todos os engenheiros no Confea. É importante essa aproximação do Conselho com o Judiciário e como essa ação poderá ajudar no desenvolvimento do Piauí. A palestra foi muito proveitosa e após a explanação, o Desembargador recebeu vários convites para novas palestras de outros CREAs do Brasil, como São Paulo e Minas Gerais”, explicou Ulisses Filho.

“Ao final ficou acertado que os CREAs do Piauí e o de Pernambuco juntamente com a Rede Pense Piauí, irão fazer uma ação no sentido de tentar rever o fechamento da Fábrica de Cimentos Nassau, no município de Fronteiras-PI “, disse Ulisses Filho acrescentando que “em função da palestra ficou acertado rever a instalação das Câmara de Mediações no Crea-PI, contando com a contribuição do Desembargador para dar vasão aos processos com mais agilidade e rapidez”, afirmou o presidente do CREA-PI.

O Desembargador Carlos Augusto Brandão ressaltou que acredita na viabilidade da formação de câmaras entre Creas e Tribunais Federais Regionais. “Dos 100 milhões de processos que correm no sistema judiciário, boa parte poderia ser resolvida em câmaras de negociação reunindo não ator e réu das ações, e sim interessados”, disse.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support